Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Hotelaria e Turismo PT

Novidades, curiosidades, notícias e tendências. Para opiniões reais sobre hotéis e restaurantes, siga a nossa rúbrica: Viagens a 2!

Hotelaria e Turismo PT

Novidades, curiosidades, notícias e tendências. Para opiniões reais sobre hotéis e restaurantes, siga a nossa rúbrica: Viagens a 2!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Boega Hotel em Gondarém - Vila Nova de Cerveira

vista da piscina - hotel da boega gondarem.jpg

 

Porquê o Boega Hotel?

 

Há locais que devido às nossas experiências individuais, aspirações ou simples fábulas mentais, se nos apresentam com um "je ne sais quoi" de glamour especial. Toda a região de Caminha a Valença do Minho exerce em nós esse fascínio e sensação.

 

Quer por razões profissionais (eu), quer por razões familiares (ela  e eu), várias vezes tivemos de ir para Caminha e Valença, o que tornou inevitável o encontro com este simpático e confortável Hotel da Boega, orgulhosamento instalado numa Mansão Senhorial Minhota do Séc. XVII e possuidor de uma vista deslumbrante da região, de nuestros hermanos, mas em especial do Rio Minho.

 

É claro que o Boega Hotel não é o único motivo, nem de perto, para se visitar esta belíssima região!

 

Eu por exemplo, sou um grande fã de Vila Nova da Cerveira e particularmente do cabrito asssado no restaurante Adega Real. É um restaurante mesmo no centro da Vila, muito perto da entrada da antiga Pousada de Vila Nova de Cerveira e a poucos metros da Igreja Matriz. Desde que ultrapassem o atendimento um pouco atabalhoado, tudo o resto é 5 estrelas, incluindo o preço. Para 2 pessoas, o repasto fica à volta de 16€ por pessoa e já incluindo vinho, e sobremesas.

 

 

Há mais coisas para ver em Vila Nova da Cerveira?

 

Claro que sim! Se quer pretextos, aqui vão 2 grandes:

  • Ilha da Boega
  • Ilha dos Amores

 

Já ouviu falar nestas duas ilhas? Se não nunca ouviu falar delas é normal, mas está a perder um pequeno (mas significativo) pedaço da nossa Portugalidade.

 

O Rio Minho tem mais ilhas fluviais ou de rio, mas estas duas estão num patamar à parte!

 

Quer pela sua forma (de coração, no caso da Ilha dos Amores) e inacessibilidade, exercem um forte apelo romântico a todos que por lá passam. Acreditem em mim que sou entendido em matérias de romantismo…

 

Quando as vi ao longe, imaginei-me logo a fazer um piquenique romântico, daqueles em que se leva um gigantesco cesto de vime, cheio de guloseimas que fariam até o Brunch do InterConti Madrid corar de vergonha.

 

Não me quero alongar, porque o objectivo aqui é falar do Boega Hotel, mas se quiserem saber um pouco mais sobre a Ilha da Boega e sobre a Ilha dos Amores, sugerimos que visitem o local, porque online é complicado encontrar boas fotos e background histórico.

 

 

Dica Útil: o website onde vimos informação mais útil sobre a Ilha da Boega e a Ilha dos Amores foi o da Junta de Freguesia de Gondarém.

Ilha dos Amores - gondarem.jpg

 ILHA DOS AMORES, VILA NOVA DE CERVEIRA | Fonte: http://jf-gondarem.pt

 

 

Voltando agora ao nosso pretexto para visitar Vila Nova da Cerveira e particularmente a freguesia de Gondarém:

 

O muito interessante Boega Hotel. Este hotel de 4 estrelas, é um mimo para quem como nós aprecia arquitectura de tempos idos mesclada com paisagens deslumbrantes e o típico bem receber nortenho.

 

A propriedade onde assenta o hotel tem 70.000 m2, bonitos jardins franceses e segundo reza a história, esta Mansão Senhorial do século XVII começou mesmo por ser um abrigo ou albergue para peregrinos, em direcção a Santiago de Compostela o que aliás se comprova porque a propriedade também conhecida como "Vila das Artes" é atravessada por um antigo caminho de Santiago.

 

 

O que gostamos mais no Boega Hotel

 

  • O solar – gostamos mesmo muito da entrada e da construção da casa do presidente onde existem 5 quartos ao todo, um dos quais uma suite, mas o que realmente nos deixou apaixonados foi a casa principal porque tem pormenores muito interessantes, estátuas da época, quadros e uma decoração fantástica! Tem uma vista lindíssima para os jardins franceses e para o Rio Minho e ainda por cima, podemos ficar na suite nupcial J que recomendamos a todos, estejam ou não em núpcias recentes. É um quarto amplo, com mobília ao estilo da época, Apesar de os quartos estarem um pouco datados, o charme está todo lá e é como se estivessemos numa outra época (ignorando a televisão, o ar-condicionado e outras modernices claro…).

 

  • A localização – este é o local perfeito se gosta de sossego, quer conhecer o minho, não abdica de uma boa paisagem e tem gosto por arquitectura. O hotel está a meio caminho entre Valença e Caminha. Mais para baixo, está a 40 minutos de Viana do Castelo ou a apenas 1h de carro de Vigo, já em Espanha;

 

  • A piscina – a primeira vez que eu e a Maria visitamos o Hotel da Boega foi em 2008, na altura era Estalagem da Boega e ainda não tinha piscina. Esta piscina é fantástica, tem uma vista incrível e usa uma água fresquíssima (no Verão) que vem de uma nascente próxima e que além de servir a piscina é também usada no antigo moinho. Também gostamos muito do material de construção usado na piscina, granito, porque dá um ar austero e robusto que muito apreciamos, além de que ajuda a não escorregar…

 

  • Jardins franceses – extensos e de forma geral bem cuidada, oferecem a possibilidade de um passeio e contacto puro com a natureza. A paisagem é deslumbrante e tanto verde até nos faz sentir mais saudáveis.

 

  • O silêncio – aqui tudo é sossego e paz. Se a sua ideia é descomprimir do dia-a-dia, então encontrou o sítio certo para o fazer. Além de estar numa vila calma, o próprio hotel encontra-se um pouco afastado da vila e das principais estradas por isso é extremamente fácil parar e ouvir os passarinhos a chilrear (foi a minha vertente romântica a falar mas ignorem que já passa…).

 

  • Simpatia dos funcionários – pois, isto é obrigatório mas nem sempre visto. Aqui são todos muito simpáticos e prestáveis, sempre com aquele traço de honestidade, objetividade e familiaridade minhota. A sra do pequeno-almoço é um amor e está sempre disponível para repor os produtos em falta. Toda o staff parece ter como objetivo ajudar e isso é mesmo muito bem vindo!

 

casa principal hotel da boega.jpg

 

 

 

 

O que gostamos menos no Boega Hotel

 

Alguns quartos e áreas de serviço a precisar de reformas – percebe-se qualidade mas também a necessidade de investir algum dinheiro em obras e melhorias. Percebe-se que são áreas grandes e com investimentos pesados (aquele jardim deve custar bastante em manutenção) mas alguns quarto começam a ficar impraticáveis e o mesmo se diz de algumas peças e estátuas que já mereciam um cuidado extra.

 

Internet lenta – a internet é grátis mas mesmo lenta, tipo modem 126kbps…só falta mesmo aquele barulhinho da ligação tipo chaleira ao lume. É um ponto a melhorar urgentemente.

 

Pequeno-almoço – é verdade que ao fim de semana o pequeno-almoço até é muito agradável e com variedade. O problema é que à semana existe menor reposição e também menor variedade. Entende-se que existindo menor utilização do outlet também não seja necessária uma grande reposição, mas isso não pode afectar a variedade existente, as frutas, os diferentes tipos de pão, queijos, enchidos e doçaria regional.

 

 

Serviços disponíveis no Hotel Boega

 

No hotel da Boega poderá encontrar os serviços abaixo:

  • Restaurante Peregrino (comida Portuguesa, destacando pratos tradicionais minhotos, ocupação máxima de 70 pessoas);
  • Campo de jogos (ténis e mesa de bilhar - snooker);
  • Parque infantil;
  • Piscina exterior aquecida;
  • 29 quartos, 4 dos quais são suites e outros 4 são duplos superiores; 
  • Todos os quartos dispõe de ar-condicionado, secador de cabelo, minibar, televisão LCD, cofre e telefone;
  • A acomodação está dispersa por 3 edifícios diferentes. A casa do presidente, a casa principal e a casa de campo;
  • Check-in 15h;
  • Check-ou 12h;
  • Animais de estimação não são aceites;
  • Esplanada;
  • Jardins amplos com quase 70.000m2;
  • Salão de banquetes;
  • Capela;
  • Estacionamento gratuito não-coberto;
  • Wi-fi grátis;
  • Aceitam eventos como casamentos, batizados ou outros, mediante consulta;

 

 

Localização e Contactos do Hotel Boega

 

Boega Hotel 4*

Quinta do Outeiral, Gondarém

4920-061 - Vila Nova de Cerveira

 

O hotel encontra-se localizado na freguesia de Gondarém, concelho de Vila Nova de Cerveira.

Está a aproximadamente a:

  • 4.8 km de Vila Nova de Cerveira,
  • 10.1 km de Caminha,
  • 20 km de Valença,
  • 35,7 km de Viana do Castelo,
  • 57,2 km de Vigo, Espanha
  • 105 km do Porto 

 

Contactos do Hotel:

 

Telefone : +351 251 700 500

Telemóvel : +351 961 945 760

Email de reservas: reservas@boegahotel.com

Website: www.boegahotel.com

 

 

Para terminar: 

 

Nenhum hotel é perfeito e claro que este também não é, mas acima de tudo, destacamos a excelente localização para quem quer conhecer esta região do Minho, o enquadramento paisagístico, a arquitectura, o staff competente e estremoso e a proximidade de Valença, Caminha e até Viana do Castelo.

 

PS – se tiver tempo, dê um saltinho a Moledo e experimente as praias, muito conhecidas em todo o Norte por serem ventosas e aptas para a prática de wind e kitsurf, mas também pela sua riqueza em iodo.

 

 

Abreijos,

O Casalinho